terça-feira, 27 de maio de 2008

Crianças e a educação infantil

Que faz uma criança em uma Escola de Educação Infantil?

Quando fazemos esta pergunta muitos pais respondem que as crianças apenas brincam. Certamente brincam. Mas é onde ela Começa a fazer amigos, passa horas felizes convivendo com crianças e adultos que não são seus familiares.
Até os 6 anos, a criança viverá uma das mais complexas fases do desenvolvimento humano, nos aspectos intelectual, emocional, social e motor, que será tanto mais rica quanto mais qualificadas forem as condições oferecidas pelo ambiente e pelos adultos que a cercam.
Uma escola precisa ser mais do que um lugar agradável, onde se brinca. Deve ser um espaço estimulante, educativo, seguro, afetivo, com professores realmente preparados para acompanhar a criança nesse processo intenso e cotidiano de descobertas e de crescimento. Precisa propiciar a possibilidade de uma base sólida que influenciará todo o desenvolvimento futuro dessa criança.
Toda escola de Educação Infantil precisa ter certeza do que quer desenvolver na criança.
Por isso quem esta no comando de uma unidade escolar seja de qual nível for, busque responder a este questionamento entendendo e medindo até onde a sua escola esta cumprindo com este desenvolvimento.
Assim, para formar uma criança saudável e desenvolver sua capacidade de aprender a aprender, sua capacidade de pensar e estabelecer as bases para a formação de uma pessoa ética capaz de conviver num ambiente democrático.
A criança deve estar envolvida com atividades de leitura e escrita, inglês, artes plásticas, musica e filosofia e ainda ter noções de conhecimento da Natureza e da Sociedade, (“isso também é possível no setor público”), em todas as atividades o aluno não deve ser aquele aluno passivo da educação tradicional mas um aluno participante, ativo no processo de construção do conhecimento.

Escola e democracia

Resumo do livro Escola e Democracia de Dermeval Saviani

Dermeval Saviani, nessa obra Escola e Democracia, procura esclarecer a situação da Educação e a sua relação com a sociedade ao longo do tempo. Ele inicia o livro com uma breve apresentação em que expõe como se deu a organização do mesmo.

O texto é divido em quatro partes sendo: As teorias da Educação e o problema da Marginalidade; Escola e Democracia I –A Teoria da Curvatura da Vara; Escola e Democracia II – Para além da Teoria da Curvatura da Vara e, finalmente, Onze teses sobre a educação e política.

Na primeira parte é dado enfoque às teorias não-críticas e apresentado as principais diferenças existentes entre a pedagogia tradicional, pedagogia nova e a pedagogia tecnicista. Na seqüência, é feito algumas considerações sobre as teorias crítico-reprodutivistas e, são elas:a) “teoria do sistema de ensino enquanto violência simbólica”; b) “teoria da escola enquanto aparelho ideológico de Estado(AIE)”; c) “teoria da escola dualista”. Saviani comenta cada uma delas e, em seguida faz uma pequena análise comparativa entre as teorias não-críticas e as reprodutivistas e explica ao leitor o motivo pelo qual não fez referência á “teoria da educação compensatória”.

No tópico seguinte ele faz menção da Teoria da Curvatura da Vara destacando três teses políticas: Tese filosófica-histórica ; pedagógica-metodológica e uma terceira que, segundo o autor, é resultado da junção das duas primeiras ,”que é aquela conclusão segundo a qual quando mais se falou em democracia no interior da escola,...”p.59. Para finalizar o tópico Saviani coloca em evidência as conseqüências que essas teorias trouxeram para Educação brasileira.

A terceira parte do livro é dedicada a reprodução as teses referidas no tópico anterior junto com algumas contribuições aos professores.

Saviani conclui deixando em evidência a relação entre educação e sociedade e que a responsabilidade dos professores é a de transformar cada aluno seu para que cada um compreenda seus direitos e deveres para a efetivação de uma nação melhor para se viver. Ele ainda apresenta como fechamento de suas proposições ONZE TESES SOBRE EDUCAÇÃO E POLÍTICA.




A Importância da Administração de Cargos e Salários

A Administração de Cargos e salários é um dos pontos mais importantes para que se possa fazer gestão de recursos humanos é preciso elaborar ...