LIDAR COM AS EMOÇÕES!! DICAS MATADORES...


Pesquisa vem nos mostrando que existem tipos diferentes de inteligência, mas a pergunta que fica é: Como posso utilizar destas inteligências no meu dia a dia, na minha vida prática.
Essa é uma dúvida que paira sobre todas pessoas que querem se utilizar melhor de suas inteligências, pois bem, aqui é preciso entender que intrínseco a estas inteligências estão as emoções que vivemos e são estas emoções que vão determinar nossos comportamentos, ou seja, em todas as situações que vivemos existe uma emoção ligada a essa atividade, então vai depender primeiro de que emoção você está tomado naquele momento e assim será definido seu comportamento com relação aquela situação.
Tenho feito algumas pesquisas, empíricas, no sentido de tentar entender o comportamento das pessoas e o que mais me deixa preocupado é que as pessoas se comportam de forma diferente nos locais em que se relacionam, as pessoas assumem uma personalidade no trabalho, outra na faculdade, outra na família e assim vai, porém estes comportamentos podem não ser, diria que não são, os comportamentos de quem é a pessoas verdadeiramente.

Emocionalmente falando isso é muito ruim, pois aqui pode estar a causa de muitas doenças que estão surgindo na sociedade moderna, doenças que os médicos não conseguem diagnosticar, porque na verdade elas não existem, o que existe é um sentimento emocional que está sendo reprimido/barrado/escondido e seu corpo está gritando socorro e as pessoas insistem em ficar tomando remédio pra tudo, consultado médicos de várias especialidades afim de encontrar o que não pode ser encontrado da forma que está sendo procurado.
 Tenho trabalhado com Inteligência Emocional desde 2017, quando fiz minha formação em especialista emocional. A Inteligência Emocional tem como premissa a capacidade de, entender, reconhecer e administrar nossas próprias emoções e também, entender, reconhecer e influenciar as emoções dos outros (Peter Salovey e John Mayer) e que foi popularizada pelo autor Daniel Goleman.
Em nossa vida prática, isso significa estar ciente de que as emoções podem impulsionar nosso comportamento e impactar as pessoas, positiva ou negativamente, aprender a lidar com nossas emoções é de suma importância.
Somos seres essencialmente emocionais, assim cito abaixo duas atitudes que precisam ser internalizadas pelas pessoas:
a). Autoconhecimento
Quando nos autoconhecemos, aprendemos a desenvolver uma arte, sim entender-se é uma arte, podemos pensar aqui também podemos entender os outros também. Em um primeiro momento é preciso reconhecer os estímulos que estão chegando até você e depois é preciso aprender a gerenciar estes estímulos de maneira positiva e suas reações e comportamentos vão depender dessa positividade. 
b) Empatia
A empatia é a capacidade de se colocar no lugar do outro, mas dentro do mundo do outro.
Não basta ter empatia é preciso ver e sentir como o outro sente e vê.
Temos empatia com base na reação aos outros. O que eu também diria é que a empatia pode ser cultivada e aprendida através de experiências. Guarde em sua memória aqueles sentimentos que você sente, escreva esses pensamentos e sentimentos, analise-os e determine como você deseja tratar os outros da mesma maneira que gostaria de ser tratado.
Estas foram as duas dicas, espero que faça sentido para você.


Airton Tomaz Pereira, Coach e Especialista em Inteligência Emocional.
Agende uma sessão de Coaching com Inteligência Emocional, mande um email para contato@educarpv.com.
Vamos entender se você usa sua Inteligência Emocional e de que forma.

Comentários