segunda-feira, 19 de junho de 2017

A Importância da Administração de Cargos e Salários

A Administração de Cargos e salários é um dos pontos mais importantes para que se possa fazer gestão de recursos humanos é preciso elaborar um Plano de Cargos e Salários que reflita a realidade da empresa.
Um Plano de Cargos e Salários tem na sua estrutura uma hierarquia de cargos com equilíbrio entre a empresa e mercado, tudo isso com muito critério e feito com apoio da administração, para que esteja alinhado com a missão da empresa pensando na busca dos melhores talentos.


No Portal Educação tem um curso feito sob medida pra você.

Saiba como estabelecer critérios para definir cargos, salários e planos de carreira para seus colaboradores de acordo com a qualificação e responsabilidade de cada função. O aprendizado ocorre em um ambiente interativo, oferecendo ao aluno um ensino de qualidade e eficaz.

Você aprenderá:

  • Administração de cargos e salários;
  • Programa de gestão de cargos e salários;
  • Avaliação e classificação de cargos;
  • Administração de salários;
  • Objetivos da administração salarial;
  • Métodos de administração salarial;
  • Análise de função;
  • Descrição e análise de cargos;
  • Política de cargos e salários;
  • Remuneração por habilidades e competências;
  • Pesquisa de salários e benefícios;
  • Grupo de pesquisas fechado (club surveys);
  • Planos de benefícios sociais.

  • Visite o site: Portal Educação e veja esse e outros cursos.

    VOCÊ NÃO SABE O QUE É ECONOMETRIA!!!

    Então leia até o fim e entenda;;;

    O Portal Educação em suas atribuições, tem por objetivo oferecer aos profissionais e estudantes uma prática constante de atualização, por intermédio da EaD (Educação a Distância).Também visa disponibilizar aos participantes, acesso ao ensino de qualidade com eficácia no aprendizado, fornecendo recursos tecnológicos inovadores, como conteúdo on-line, animações, videoconferência, exercícios de fixação e objetos de aprendizagem, que auxiliam na formação do cidadão contemporâneo, crítico e atuante na sociedade.

    A Econometria é a ferramenta utilizada por economistas, estatísticos e pesquisadores em geral para verificar modelos matemáticos que relacionam uma variável dependente (ou explicada) por uma ou mais variáveis independentes (ou explicativas).

    O que você vai aprender no curso?

  • Introdução à econometria;
  • Nota histórica - origens da econometria;
  • Período anterior a 1930;
  • Período 1930 - 1954;
  • Período posterior a 1954;
  • A Econometria no Brasil;
  • Abordagem da econometria - conceitos e objetivos;
  • Terminologia e notação;
  • A Teoria Econômica;
  • Natureza e fonte de dados para a análise econômica;
  • Séries temporais;
  • Corte transversal;
  • Dados combinados;
  • Fontes de dados;
  • A metodologia de investigação econométrica;
  • Conceito e classificação de modelos;
  • Classificação de modelos em economia;
  • Modelos econométricos;
  • Estrutura de um modelo econométrico;
  • Classificações úteis dos modelos econométricos;
  • Propriedades dos modelos;
  • Pesquisa econométrica, uso de modelos econométricos e formato de um relatório de pesquisa;
  • Especificação de modelos;
  • Fontes de informações para a especificação de modelos;
  • Restrições à construção de modelos sem teoria;
  • Formas funcionais linearizáveis;
  • Tipos de funções;
  • Critérios de escolha da forma funcional;
  • Elasticidade;
  • Exercícios resolvidos - especificação de modelos;
  • Modelo linear simples;
  • Pressupostos do modelo;
  • Método de estimação;
  • Método dos mínimos quadrados;
  • Análise de resíduos;
  • Limitações da econometria;
  • Exemplos - modelo linear simples;
  • Avaliação de modelos estimados;
  • Qualidades desejáveis dos estimadores;
  • Critérios de avaliação de estimativas de modelos;
  • Critérios derivados da teoria econômica ou das hipóteses formuladas;
  • Critérios estatísticos;
  • Critérios econométricos;
  • Estatísticas de avaliação;
  • Análise de variância simples;
  • Decomposição das principais estatísticas de avaliação;
  • Variância amostral ou residual;
  • Coeficiente de determinação;
  • Estatística f;
  • Estatística t;
  • Teste de hipóteses e intervalos de confiança;
  • Regressão e correlação;
  • Uso de variáveis especiais;
  • Uso da variável tempo;
  • Variáveis dummies ou binárias;
  • Conceito e objetivos;
  • Incorporar variáveis binárias ao modelo;
  • Exemplos numéricos do uso de variáveis especiais;
  • O tempo como variável explicativa;
  • Multicolinearidade;
  • Indicadores da presença de multicolinearidade;
  • Diagnósticos das multicolinearidade;
  • Tratamento da multicolinearidade;
  • Medidas corretivas para resolver o problema da multicolinearidade;
  • Autocorrelação;
  • Fontes de autocorrelação;
  • Diagnóstico da autocorrelação e correção do problema;
  • Heterocedasticidade.

  • Entre no site e faça sua matrícula.


    domingo, 23 de abril de 2017

    quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

    Duas dicas infalíveis para controlar o estresse de uma vez por todas




    Estresse, o mal do século, muitos estudos estão sendo feitos a respeito do estresse, mas sem muito sucesso, porque o estresse está sendo cada vez mais desencadeado devido ao modo de vida dos seres humanos, cada vez mais precisamos ser alguém que não somos, porque eu digo isso? É simples, pesquisas mostram que as pessoas estão cada vez mais infelizes em suas vidas e passam o tempo todo procurando a felicidade, nessa busca, temos que agradar o chefe, temos que produzir mais, não podemos sentir nenhuma emoção por que somos fracos, mantemos casamentos por pura conveniência, o que para mim é um paradoxo, conveniente para quem?  mantemos relacionamentos por puro interesse, estamos muitas vezes literalmente passando por cima de muitas pessoas e nem percebemos, estamos quase sempre fazendo coisas que não gostamos, não temos um propósito de vida, não sabemos porque acordamos todos os dias, enfim, isso causa uma reação no organismo, a todo momento o organismo está dizendo “eu não estou bem, por favor verifique o que você está fazendo comigo” mas insistimos em ignorar esses sinais e ai há uma mistura muito complexa no organismo que gera o estresse, essa mistura envolve, o lado racional, com pensamentos que tentam fugir da situação, o lado emocional, que tenta dar vazão às emoções (medo, tristeza, angustia) mas sufocamos essas emoções e por último o lado biológico que através da mistura das reações emocionais e racionais produzem hormônios e substancias químicas que são prejudiciais ao nosso organismo e ai é inevitável quando percebemos estamos estressados, agindo em uma situação de uma forma que nunca em sã consciência agiríamos.

    Então como controlar essas situações de estresse?

    Como viver bem mesmo com estresse?

    Todos nós sentimos ou vamos sentir estresse uma vez na vida, então precisamos nos preparar para esse momento, vou dar duas dicas infalíveis para se controlar o estresse de uma vez por todas.

    A primeira dica é, aceite que está sujeito a sentir estresse e a partir daí passe a se conhecer melhor, conheça suas emoções e sentimentos, o estresse é uma combinação de fatores que desencadeiam uma determinada ação que não era esperada, então evite situações de embate, toda situação de embate no final das contas é para ver quem tem razão e muitas vezes ter razão não vai mudar nada na sua vida, evite essas situações, porque elas são controladas pelo ego e o que é controlado pelo ego está ligado à uma satisfação pessoal que não agrega nada em sua vida, tenha noção do que é importante na sua vida, mas de verdade, não o que é superficial, o ser humano encontra várias razões que diz ser de extrema importância, mas quando se faz uma análise mais profunda percebe-se que era puro ego, é lamentável, mas é verdade.

    A segunda dica é importantíssima, arrume um tempo para meditar de preferência de manhã logo após acordar, a meditação é o ato de não pensar em nada e apenas prestar atenção na sua respiração, meditar não é refletir, refletir é pensar em algo, meditar é não pensar em nada, no início é um pouco difícil, mas com o tempo tudo se torna mais fácil, especialistas em comportamento dizem que um novo habito pode ser adquirido entre 21 à 60 dias dependendo da pessoa e do tipo de habito que se quer adquirir, no caso da meditação são 21 dias, ou seja em três semanas tentando você conseguirá meditar com muito mais facilidade é preciso persistência.   

     Ao entrar em meditação esteja aberto às informações que o universo vai te passar, na meditação ocorre um fluxo contínuo de informações ou seja o indivíduo entra em fase com o universo e assim as ideias vem, as soluções para os problemas ficam mais claras, tudo pode ser resolvido no silencio, já dizia um velho ditado: “a palavra vale prata, mas o silêncio vale ouro” e vale mesmo, quanto custa resolver um problema que vem lhe afligindo a anos, isso não tem preço.

    Sou grato por escrever esse texto e espero poder ajudar muitas pessoas, a intenção positiva é de que as pessoas conheçam a si mesmas e possam lidar com suas próprias emoções de uma forma muito mais efetiva.


    Sobre o Autor: Airton Tomaz Pereira é Administrador de empresas, Coach de Inteligência emocional, Analista Comportamental, Escritor, palestrante e professor, atua no ramo da educação já há 16 anos.
    Para entrar em contato com o autor: airton@educarpv.com ou tomazconsultor@gmail.com
    Airton é autor do E-book – Jesus o que sua empresa tem a ver com ele: 21 ensinamentos de jesus para seu negócio, a venda na Amazon


    A Importância da Administração de Cargos e Salários

    A Administração de Cargos e salários é um dos pontos mais importantes para que se possa fazer gestão de recursos humanos é preciso elaborar ...